Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Seterb prepara programação especial para o início do Maio Amarelo
Campanha inicia neste sábado, dia 1º de maio.

O mês de maio é marcado por um dos maiores movimentos mundiais de atenção pela vida, o Maio Amarelo. Este ano, a campanha completa uma década e a Secretaria de Trânsito e Transportes (Seterb) está preparando uma programação especial para marcar a data e chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes […]

Publicado em 01/05/2021 às 07:00


O mês de maio é marcado por um dos maiores movimentos mundiais de atenção pela vida, o Maio Amarelo. Este ano, a campanha completa uma década e a Secretaria de Trânsito e Transportes (Seterb) está preparando uma programação especial para marcar a data e chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito.   Desde 2011, quando a campanha foi lançada, foram contabilizadas 44 vítimas e este número diminui consideravelmente ano a ano. Marco Rebello, coordenador da Escola Pública de Trânsito (EPT) adianta que no sábado, dia 1º de maio, a cidade amanhecerá diferente. “Blumenau avançou muito na redução de acidentes e óbitos, mas apesar dos esforços do poder público, sociedade civil organizada e forças de segurança, continuamos perdendo vidas no nosso trânsito. Porém, o nosso trabalho é para que algum dia, possamos zerar esta trágica estatística. E para chamar a atenção para estes números e homenagear estas pessoas, nossa equipe está preparando um ato simbólico”, afirma.   Maio Amarelo e a pandemiaCom a pandemia em 2020, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) determinou o cancelamento das reuniões das câmaras temáticas e a Seterb suspendeu toda a agenda presencial do Maio Amarelo, que inclusive contava com a abertura nacional do movimento em Blumenau. A Seterb, por meio da Guarda Municipal de Trânsito  e Escola Pública de Trânsito, continuou realizando ações , como os cinturões noturnos, com o objetivo de coibir o consumo de álcool seguido de direção e diminuir o número de acidentes com vítimas, que refletem diretamente na ocupação dos leitos de UTIs nos hospitais. Além disso, foram realizadas palestras on-line, cursos, lives com a temática de segurança viária e trabalhos em parceria com demais secretarias, principalmente com as Secretarias de Saúde e de Educação. Números de vítimas em Blumenau nos últimos 10 anosAno  Vítimas 2011   442012  352013  392014  412015  292016  202017  252018  212019  292020  21