Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA A OPERAÇÃO “SOLDO INFLADO” QUE DESARTICULOU ESQUEMA ILEGAL DE PAGAMENTO DE HORAS EXTRAS A FUNCIONARIOS DE UMA EMPRESA PUBLICA DE BLUMENAU QUE TINHA POR FIM SUBSIDIAR CAMPANHA POLITICA.

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da 4ª Delegacia Especializada no Combate à Corrupção- Blumenau, com apoio da Decor-Deic, DP de Gaspar, DPcami de Blumenau, e 1 DP de Blumenau; CUMPRIU mandados de busca e apreensão na cidade de Blumenau no endereço de suspeitos envolvidos no pagamento ilegal de horas extras para funcionários […]

Publicado em 10/12/2020 às 11:40


A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da 4ª Delegacia Especializada no Combate à Corrupção- Blumenau, com apoio da Decor-Deic, DP de Gaspar, DPcami de Blumenau, e 1 DP de Blumenau; CUMPRIU mandados de busca e apreensão na cidade de Blumenau no endereço de suspeitos envolvidos no pagamento ilegal de horas extras para funcionários da Prefeitura de Blumenau.

O Delegado Lucas Almeida explica que apurou-se possíveis crimes de peculato e falsidade ideológica. No caso, constatou-se que houve uma elevação no pagamento das rúbricas das rubricas “horas extras” e “sobreaviso” nos meses de pandemia, período em que, em geral, parte dos funcionários trabalhou em home ofice.

Investigou-se a noticia de que pagamentos do sobreaviso eram pagos em periodo acima do permitido legalmente, inclusive em meses de férias, e de que parte dos valores pagos a alguns funcionarios eram dados a um ex-diretor para financiar ilegalmente a sua campanha eleitoral. Foi apreendido cerca de R$ 202.000,00 na operação.

Fonte e vídeo: Polícia Civil de Blumenau