Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos
  • Trânsito

Não teremos ônibus circulando em Blumenau nesta sexta-feira dia 11 de novembro entre às 8h30 às 10h.

O motivo é por causa do Dia Nacional da Luta Contra a Retirada de Direitos, segundo informou o Sindicato do Trabalhadores do Transporte Coletivo SINDETRANSCOL. O Sindetranscol informa à população que nesta sexta-feira, 11 de novembro, os trabalhadores do transporte coletivo de Blumenau paralisarão suas atividades das 08h30 às 10h, aderindo ao Dia Nacional de Mobilizações e Paralisações Contra a Retirada de Direitos. UM VERDADEIRO ASSALTO AOS DIREITOS SOCIAIS E TRABALHISTAS ESTÁ EM CURSO NO CONGRESSO NACIONAL.

Publicado em 10/11/2016 às 06:31


Não teremos ônibus em Blumenau nesta sexta-feira dia 11 de novembro entre às 8h30 às 10h por causa do Dia Nacional da Luta Contra a Retirada de Direitos, segundo informou o Sindicato do Trabalhadores do Transporte Coletivo SINDETRANSCOL.

ATENÇÃO:
TRANSPORTE COLETIVO DE BLUMENAU
PARA NESTA SEXTA-FEIRA (11)
onibus-blu
O Sindetranscol informa à população que nesta sexta-feira, 11 de novembro, os trabalhadores do transporte coletivo de Blumenau paralisarão suas atividades das 08h30 às 10h, aderindo ao Dia Nacional de Mobilizações e Paralisações Contra a Retirada de Direitos.

UM VERDADEIRO ASSALTO AOS DIREITOS SOCIAIS E TRABALHISTAS ESTÁ EM CURSO NO CONGRESSO NACIONAL.

A PEC 55 – antiga PEC 241- implanta um novo teto para os gastos públicos, congela o limite dos gastos por 20 anos. É o desmantelamento do serviço público. Educação, saúde e assistência social serão os mais atingidos.

Reforma Trabalhista – Visa a destruição da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e de direitos trabalhistas históricos, como o décimo terceiro, um terço de férias, flexibilização da jornada e de salários, prevalência do negociado sobre o legislado, regulamentação da terceirização sem restrições e redução de jornada de trabalho com redução de salários.

Reforma da Previdência – Institui a idade mínima de 65 anos para homens e mulheres se aposentarem (e para os 70 anos de forma progressiva), o fim da paridade do reajuste do salário mínimo entre trabalhadores ativos e aposentados e o fim das aposentadorias especiais.

É preciso barrar este retrocesso.

Nenhum Direito a Menos.
Sindetranscol | Sindicato de Luta!

https://www.facebook.com/Sindetranscol-467981199961431/?fref=ts