Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos
  • Trânsito

Mudança no trânsito da área Central de Gaspar – Reuniões sobre o Plano de Circulação Viária começarão nesta terça-feira (31).

Dar voz à comunidade, ouvir as sugestões e opiniões dos gasparenses. Este é o objetivo da Prefeitura Municipal de Gaspar, por meio da Secretaria de Planejamento Territorial, que iniciará uma série de reuniões com a população que será impactada com o novo Plano de Circulação Viária. O prefeito, Kleber Wan-Dall, acompanhado do secretário de Planejamento Territorial e autoridades, apresentará aos moradores o projeto que prevê alterações no trânsito na região central e entorno da cidade. Os encontros para explicar o conceito do plano já aconteceram com os agentes da Superintendência de Trânsito – Ditran em setembro, e em outubro, com representantes de entidades de classe e vereadores, além da imprensa. “Nosso intuito é responder questionamentos, elucidar a proposta e colher sugestões daqueles que vivem nas ruas que receberão as mudanças. Queremos que a comunidade seja consciente quanto à importância destas alterações para a mobilidade urbana do município. E, além disso, que cada morador se sinta inserido nesta nova proposta de tráfego na cidade,” reforça o prefeito, Kleber Wan-Dall. O conceito do plano de Circulação Viária prevê a criação de binários com sentidos únicos de vias, o desvio de tráfego pesado da área central, desvio de tráfego de passagem, deslocamento de semáforos, e a utilização de vias alternativas da região central. As primeiras reuniões já têm data definida, entretanto outros encontros serão agendados com as comunidades de outros bairros do município. Desta forma, toda população poderá expor sua opinião sobre o Plano de Circulação Viária. Veja as reuniões agendadas e o que poderá mudar:

Publicado em 30/10/2017 às 06:07


Mudança no trânsito da área Central de Gaspar – Reuniões sobre o Plano de Circulação Viária começarão nesta terça-feira (31).

Dar voz à comunidade, ouvir as sugestões e opiniões dos gasparenses. Este é o objetivo da Prefeitura Municipal de Gaspar, por meio da Secretaria de Planejamento Territorial, que iniciará uma série de reuniões com a população que será impactada com o novo Plano de Circulação Viária.

O prefeito, Kleber Wan-Dall, acompanhado do secretário de Planejamento Territorial e autoridades, apresentará aos moradores o projeto que prevê alterações no trânsito na região central e entorno da cidade. Os encontros para explicar o conceito do plano já aconteceram com os agentes da Superintendência de Trânsito – Ditran em setembro, e em outubro, com representantes de entidades de classe e vereadores, além da imprensa.

“Nosso intuito é responder questionamentos, elucidar a proposta e colher sugestões daqueles que vivem nas ruas que receberão as mudanças. Queremos que a comunidade seja consciente quanto à importância destas alterações para a mobilidade urbana do município. E, além disso, que cada morador se sinta inserido nesta nova proposta de tráfego na cidade,” reforça o prefeito, Kleber Wan-Dall.

O conceito do plano de Circulação Viária prevê a criação de binários com sentidos únicos de vias, o desvio de tráfego pesado da área central, desvio de tráfego de passagem, deslocamento de semáforos, e a utilização de vias alternativas da região central.

As primeiras reuniões já têm data definida, entretanto outros encontros serão agendados com as comunidades de outros bairros do município. Desta forma, toda população poderá expor sua opinião sobre o Plano de Circulação Viária.

 

Calendário de reuniões

 

31/10

19h30

Bairro Coloninha: Centro de Convivência do Idoso, rua Frei Canisio, 500.

 

1/1119h30

Bairro Gasparinho: Centro Comunitário São João Batista, rua Leopoldo Alberto Schramm

 

7/11

17h30

Bairro Centro: Auditório da Ditran, rua Cel. Aristiliano Ramos, 435 (Prefeitura Municipal)

 

13/11

19h30

Bairro Gaspar Grande: Centro Comunitário São Cristóvão

 

Sobre o Plano de Circulação Viária

 

No sentido Bela Vista/Santa Terezinha/Poço Grande o trânsito será desviado em ruas de mão única com faixa dupla, iniciando no supermercado Top, pela rua Arnoldo Kock, José Honorato Muller, passando pela rua Frei Antonino, que será alargada, Prefeito Leopoldo Schramm, José Anastácio da Silva, Leopoldo Alberto Schramm, Frei Solano e Arnoldo Schramm até atingir a Avenida das Comunidade que ligará com a rua Duque de Caxias que também terá duas faixas em direção aos bairros Bateias/Barracão, até chegar ao entroncamento com a rua Barão do Rio Branco. Outra importante mudança é a retirada dos semáforos da via para aumentar a fluidez do trânsito.

Na rua Arnoldo Schramm na central funerária haverá um retorno com sentido ao viaduto para a esquerda, para os moradores que vem dos bairros Gaspar Grande, Coloninha, irem em direção aos bairros Figueira/Bela Vista e à direita na Avenida das Comunidades  em duas faixas até o bairro Sete de Setembro, Avenida Francisco Mastella e Rodovia Jorge Lacerda.

No bairro Gasparinho, o fluxo destinado ao Santa Terezinha/Bateias/Barracão, será orientado a desviar pela rua Fernando Krauss e rua Rodolfo Vieira Pamplona até atingir a rua Barão do Rio Branco, no bairro Santa Terezinha, para poder acessar a Avenida Frei Godofredo e rodovia Ivo Silveira.

Já no sentindo inverso, o condutor que vem da Rodovia Jorge Lacerda, Avenida Francisco Mastella e Rodovia Ivo Silveira, no conhecido Trevo da Paroli, deverá seguir pela rua Industrial José Beduschi até alcançar a rua São José que terá o seu sentido invertido, e seguir até a rua São Pedro, onde o fluxo voltará para a Avenida das Comunidades  no sentido Figueira/Bela Vista.

Antecipadamente, este fluxo ainda poderá tomar a rua Augusto Beduschi que também terá sentido à rua Duque de Caxias, para retornar aos bairros Sete de Setembro ou Santa Terezinha, ou seguir à direita sentido bairros Coloninha, Figueira e Bela Vista.

Outra mudança importante é na rua Coronel Aristiliano Ramos que passará a ter mão única a partir da ponte no entroncamento com a rua Itajaí, em toda sua extensão, até a rua Mário Vanzuita, que também terá sentido único em direção a rua Arnoldo Schramm, passando sob o elevado. Ainda nesta direção a Avenida das Comunidades e rua Dr. Nereu Ramos terão duas faixas do final da rua São Pedro até o entroncamento com a rua Arnoldo Kock, para permitir a saída do Centro com o fluxo em mão única em duas faixas sentido ao Figueira e Bela Vista.

O acesso ao bairro Margem Esquerda não poderá mais ser feito passando sob o viaduto pela rua Mario Vanzuita em direção à Ponte Hercilio Deeke. Este fluxo procedente das ruas Frei Solano e Arnoldo Schramm, que passa defronte aos prédios Alvorada e Monte Carlo, seguirá pela Avenida das Comunidades e entrará para o Centro pela rua Doralício Garcia, seguindo pela rua São José. Com isso, os motoristas terão a opção de tomar a rua Coronel Aristiliano Ramos pelas ruas Irmãos Krauss, rua Auguto Beduschi e rua São Pedro sentido rua Coronel Aristiliano Ramos até chegar à Ponte Hercílio Deeke.

Além do aprimoramento que será balizado por uma contagem do fluxo de veículos através da Superintendência de Trânsito – Ditran, a Prefeitura Municipal está elaborando projetos executivos dos locais onde haverá necessidade da correção de raios de curva, pavimentação, sinalização indicativa, vertical e horizontal.

Dentro do plano será criada uma rota de ciclistas que interligará, conectará e integrará o transporte coletivo urbano, indo ao Terminal, escola e polos geradores. O pedido foi solicitado pelo Grupo Bike Segura, de Gaspar, e representantes da Federação Catarinense de Ciclismo, com os quais, o assunto será retomado.

Ainda dentro das propostas de alteração, será implantada uma nova rota para os ônibus municipais e intermunicipais juntamente com a Superintendência de Trânsito – Ditran que estão elaborando as rotas do transporte coletivo urbano, ao qual será ainda apreciada pelas empresas que passarão a utilizar os novos trajetos. Neste contexto, haverá a realocação de pontos e abrigos de ônibus.

Contemplando também as mudanças, em todas as bifurcações serão feitas ilhas canalizadoras que distribuirão o tráfego de veículos e darão mais segurança aos pedestres nas travessias.