Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Motorista alcoolizado que matou duas pessoas é condenado em Indaial.

Crime aconteceu em 2014. A pena aplicada por homicídio com dolo eventual foi de sete anos em regime inicial semiaberto. Um motorista responsável pela morte de duas pessoas foi condenado a sete anos de prisão pelo Tribunal do Júri da Comarca de Indaial. Elcio Citadini foi denunciado pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) por […]

Publicado em 29/08/2019 às 05:14


Crime aconteceu em 2014. A pena aplicada por homicídio com dolo eventual foi de sete anos em regime inicial semiaberto.

Um motorista responsável pela morte de duas pessoas foi condenado a sete anos de prisão pelo Tribunal do Júri da Comarca de Indaial. Elcio Citadini foi denunciado pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) por duplo homicídio com dolo eventual, ou seja, assumindo o risco de matar, uma vez que estava embriagado e conduzia o veículo em alta velocidade no momento do acidente.

A denúncia da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Indaial relata que, na madrugada de 15 de março de 2014, um sábado, Elcio trafegava na BR-470 em velocidade incompatível com a via quando colidiu com a traseira de uma motoneta, na qual estavam as duas vítimas.

Valdineia Ferreira Andreska e Ivonete Dalabona, apesar do socorro médico imediato, não resistiram aos ferimentos. Na ocasião, Elcio foi submetido ao teste de alcoolemia, que constatou a embriaguez do condutor. O Promotor de Justiça Rodrigo Andrade Viviani representou o Ministério Público no julgamento do autor do crime, realizado nesta quarta-feira (28/8). A pena deverá ser cumprida em regime inicial semiaberto. Elcio poderá recorrer da decisão em liberdade.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social do MPSC.