Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Morador de Blumenau lança livro de ficção com editora nacional História que fala sobre luto, paixão e extraterrestres já é indicada ao prêmio Coerência Choice Awards

O itajaiense Gabriel Silva, que reside em Blumenau há dois anos, acaba de lançar seu livro através do Grupo Editorial Coerência. Chuva de Diamantes, primeiro trabalho literário do jornalista, traz a história de Fernanda, uma personagem que se vê em busca da verdade sobre sua vida quando começa a ter o mesmo sonho com frequência. […]

Publicado em 03/11/2020 às 11:03


O itajaiense Gabriel Silva, que reside em Blumenau há dois anos, acaba de lançar seu livro através do Grupo Editorial Coerência. Chuva de Diamantes, primeiro trabalho literário do jornalista, traz a história de Fernanda, uma personagem que se vê em busca da verdade sobre sua vida quando começa a ter o mesmo sonho com frequência. A protagonista recebe a visita de extraterrestres que estão na terra para estudar o comportamento humano e, com o auxílio de um deles, embarca em uma jornada que trará a verdade sobre a própria vida. O livro já é indicado ao prêmio literário Coerência Choice Awards, que premia os escritores do grupo editorial.
O livro está disponível para aquisição na Livraria Blulivro da rua XV de Novembro e Shopping Park Europeu, ou por meio do instagram do escritor: @gabriel.jornalista.
“A história surgiu após um sonho que tive por volta de 2013. Resolvi colocar a história no papel e me surpreendi com o resultado. Deixei o original guardado até o ano passado, quando tive a oportunidade de publicar com o Grupo Editorial Coerência”, afirma o escritor. O nome, Chuva de Diamantes, é explicado no decorrer da história, quando a protagonista descobre que no planeta de origem dos extraterrestres chove diamantes ao invés de água. A inspiração vem de um estudo científico que comprova que em Urano e Netuno chovem diamantes. “Claro que isso foi romantizado no livro”, explica Gabriel. “São pequenas pedrinhas que caem do céu, não rochas pesando toneladas”.

O autor
Gabriel Silva tem 26 anos e é jornalista. Atualmente, ocupa o cargo de Analista de Comunicação do Hospital Santa Isabel, em Blumenau. Formou-se em 2018 na Univali, onde ganhou um dos prêmios acadêmicos Chaplin de Comunicação, com uma reportagem que escreveu sobre um dos escritores mais jovens do Brasil. Em seu currículo também estão os cargos de repórter e apresentador de TV, apresentador de rádio, editor de jornal e assessor parlamentar.
“Escrever é um sonho que tenho desde criança. Quando entrei na faculdade de jornalismo, foi para aperfeiçoar a escrita e encontrar novas formas de viver por meio das palavras. Hoje, posso dizer que alcancei um dos meus objetivos”, revela. Além de Chuva de Diamantes, Gabriel Silva trabalha em novos projetos literários, que pretende apresentar no final de 2021. “Ainda há um caminho longo pela frente e, como qualquer profissional, busco ser reconhecido pelo meu trabalho. Chuva de Diamantes é o primeiro degrau numa escadaria”.