Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos
  • Esportes

Fundação Municipal de Desportos divulga os nomes das 6 pessoas que irão conduzir a Tocha Olímpica em Blumenau que chega na semana que vem dia 12 de julho, terça-feira.

A lista completa dos condutores ainda não foi divulgada. Serão cerca de 70 condutores. Segue a lista das 6 pessoas indicadas pela FMD. O evento, programado para ocorrer no dia 12 de julho, terá pouco mais de 70 condutores, percorrendo os 14 km do trajeto da Tocha na cidade. Blumenau, por meio da FMD, indicou cerca de 20 nomes para conduzir o Símbolo Olímpico. Destes, seis foram selecionados, representando diversos segmentos da sociedade. A Tocha Olímpica deverá sair da capital, Florianópolis, na manhã do dia 12 de julho passando por cidades do litoral. De lá, vem em direção ao Vale, passando por Ilhota e Gaspar, até chegar a Blumenau. A previsão do comitê organizador do revezamento é de que a Chama Olímpica chegue à cidade às 16h28, na Praça da Fonte Luminosa, onde inicia o revezamento. No dia 13, a Pira Olímpica segue para Jaraguá do Sul.

Publicado em 05/07/2016 às 08:02


Fundação Municipal de Desportos divulga os nomes das 6 pessoas que irão conduzir a Tocha Olímpica em Blumenau que chega na semana que vem dia 12 de julho, terça-feira. 
Fundação Municipal divulga nomes dos condutores da Tocha Olímpica.
Foto Agência Brasil (Revista Isto É)

Foto Agência Brasil (Revista Isto É)

 
Faltando menos de 10 dias para o revezamento da Tocha Olímpica chegar a Blumenau, a Fundação Municipal de Desportos (FMD) divulgou a relação de nomes indicados pelo município para conduzir o Fogo Olímpico na cidade. O evento, programado para ocorrer no dia 12 de julho, terá pouco mais de 70 condutores, percorrendo os 14 km do trajeto da Tocha na cidade. Blumenau, por meio da FMD, indicou cerca de 20 nomes para conduzir o Símbolo Olímpico. Destes, seis foram selecionados, representando diversos segmentos da sociedade.
No segmento olímpico a escolhida foi a ex-atleta do handebol Ana Amorim, que conduzirá a tocha representando todos os atletas e ex-atletas olímpicos do município. Além dela, Airto Arnold, campeão do Parajasc, será o representante do segmento paralímpico; Carmen Phuetzreiter, participante do I Jasc (1960), será a representante da 3ª idade; Tatiana Regina Alvise, professora de educação física e presidente da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Blumenau, será a representante do voluntariado; Vilson Rosa, presidente da Associação Sorrir para Down, será o representante das ONGs e Clubes de Caça e Tiro de Blumenau; e Claudio Tiago, membro da tradicional família de corredores do município, representará a sociedade civil.
O presidente da FMD, João Sendenski, explica que foram indicados pela própria Fundação cerca de 20 nomes, porém a definição dos seis nomes dos condutores foi feita pelo Comitê de Revezamento da Tocha. “Dos pouco mais de 70 condutores, a cidade teve o direito de indicar seis. Os demais vieram por indicação dos patrocinadores do evento, que durante todo o período que antecedeu o revezamento, abriram inscrições para os interessados que desejassem conduzir a Tocha Olímpica”, explica.
 
Reunião define últimos detalhes
Na manhã desta segunda-feira, dia 4, foi realizada a penúltima reunião para ajustar os detalhes para o revezamento da Tocha Olímpica em Blumenau. Na reunião estavam presentes representantes da Secretaria de Turismo, Seterb, Polícia Militar, Secretaria de Educação, Secretaria de Saúde, Fundação Pró-família, Fundação Municipal de Desportos, Teatro Carlos Gomes e Gabinete do Prefeito e ocorreu no Parque Vila Germânica.
Durante toda a passagem da Tocha foram preparadas algumas atrações para o público que acompanhar o revezamento. O presidente ainda explica que o município não terá despesas com o evento. “Em diversos pontos do trajeto, várias atrações foram preparadas em parceria com as fanfarras das escolas, clubes de caça e tiro e também com as modalidades esportivas da cidade. Não teremos gastos, uma vez que estamos apenas recebendo a atração”, afirma.
 
A Tocha Olímpica deverá sair da capital, Florianópolis, na manhã do dia 12 de julho passando por cidades do litoral. De lá, vem em direção ao Vale, passando por Ilhota e Gaspar, até chegar a Blumenau. A previsão do comitê organizador do revezamento é de que a Chama Olímpica chegue à cidade às 16h28, na Praça da Fonte Luminosa, onde inicia o revezamento. No dia 13, a Pira Olímpica segue para Jaraguá do Sul.
Assessor de Comunicação: Diorgnes Saldanha Lima