Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Fotógrafo e Youtuber de 46 anos é investigado pela Polícia Civil por aliciar menores.

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Proteção à Criança, Mulher, Adolescente e Idoso - DPCami - Blumenau/SC, cumpriu na data do dia 26/02/19 mandado de busca e apreensão na residência de um homem de V. (46 anos). V. atua como fotógrafo e possui uma página de notícia, além de um canal no YouTube, notadamente dedicadas ao público infanto-juvenil, tais como ciclismo, skate e games.

Publicado em 26/02/2019 às 11:35


Fotógrafo e Youtuber de 46 anos é investigado pela Polícia Civil por aliciar menores.

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Proteção à Criança, Mulher, Adolescente e Idoso – DPCami – Blumenau/SC, cumpriu na data do dia 26/02/19 mandado de busca e apreensão na residência de um homem de V. (46 anos).

Ele atua como fotógrafo e possui uma página de notícia, além de um canal no YouTube, notadamente dedicadas ao público infanto-juvenil, tais como ciclismo, skate e games.

Por meio desse exercício obtinha o nome e contato com crianças e adolescentes do sexo masculino, uma vez que as adicionava nas redes sociais e aplicativos de conversa, começava a aliciá-los para a prática de atos libidinosos. Numa análise perfunctória do material apreendido e encaminhado para perícia foi possível extrair cerca de 5mil conversas com menores, nas quais V., prevalecendo de sua profissão, aliciava os menores, bem como irem até sua residência aprender a editar vídeos, jogar vídeo game e, até mesmo, dormir. No local costumeiramente oferecia bebidas alcoólicas e praticava atos libidinosos com os menores. Ainda, apurou-se duas vítimas, uma delas com 15 anos e outro com recém completados 18 anos, que relataram que mantiveram relações sexuais contra sua vontade com o suspeito.
Como base nos elementos colhidos, o suspeito foi indiciado pelos delitos capitulados no art. 217-A do Codigo Penal e art 241-B, 241-D e 243 do ECA .
A DPCami alerta os pais sobre os cuidados básicos na prevenção dos delitos atinentes a pedofilia, dentre eles a vigia aos meios de comunicação pela internet, bem como atenção às amizades dos seus filhos e orientação para que não estabeleçam contato ou relação de confiança com outros adultos sem o conhecimento dos pais.