Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Duplicação da Humberto de Campos no bairro da Velha segue com drenagem e reposição do solo em Blumenau. Para continuidade dos trabalhos, Rua Otto Laux fica temporariamente como mão dupla.

Prosseguem os trabalhos de duplicação da Rua Humberto de Campos, no bairro da Velha. A Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), mantém os trabalhos de drenagem e reposição do solo, etapa esta que antecede a colocação do rachão e da pavimentação da via. “Ontem iniciamos a implantação da tubulação de drenagem no trecho em frente à Rua Otto Laux, fator que implicou na alteração de trânsito provisória, tornando a via em mão dupla, para que os veículos tenham saída em direção à Rua João Pessoa”, considera o secretário da pasta, Edson Brunsfeld. A expectativa da Prefeitura de Blumenau é concluir a duplicação da Humberto de Campos ainda neste primeiro semestre. Financiada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), a obra está orçada em R$ 17,4 milhões, dentro do pacote de R$ 130 milhões em benfeitorias de mobilidade urbana. Foto Divulgação.

Publicado em 01/03/2019 às 11:45


Duplicação da Humberto de Campos no bairro da Velha segue com drenagem e reposição do solo em Blumenau.
Para continuidade dos trabalhos, Rua Otto Laux fica temporariamente como mão dupla.

Foto Divulgação.

Prosseguem os trabalhos de duplicação da Rua Humberto de Campos, no bairro da Velha. A Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), mantém os trabalhos de drenagem e reposição do solo, etapa esta que antecede a colocação do rachão e da pavimentação da via.

“Ontem iniciamos a implantação da tubulação de drenagem no trecho em frente à Rua Otto Laux, fator que implicou na alteração de trânsito provisória, tornando a via em mão dupla, para que os veículos tenham saída em direção à Rua João Pessoa”, considera o secretário da pasta, Edson Brunsfeld.

A expectativa da Prefeitura de Blumenau é concluir a duplicação da Humberto de Campos ainda neste primeiro semestre. Financiada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), a obra está orçada em R$ 17,4 milhões, dentro do pacote de R$ 130 milhões em benfeitorias de mobilidade urbana.

 

Assessor de Comunicação: Fernando Gonzaga