Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

DÍVIDAS COM A PREFEITURA: Renovar Blumenau 2017 é prorrogado até o dia 29 de outubro.

Programa permite a quitação dos débitos junto ao município à vista sem multas ou juros. Para que mais cidadãos possam ter acesso ao Renovar Blumenau 2017, a Prefeitura de Blumenau prorrogou o prazo para adesão ao programa até o dia 29 de outubro. Segundo o secretário de Gestão Financeira (Segefi), Ronaldo Rogério Wan-Dall, a alta procura nas últimas semanas motivou a extensão, que poderá beneficiar mais contribuintes na cidade. Lançado em junho deste ano, o programa ficaria ativo, inicialmente, até esta sexta-feira, dia 29. Com este novo prazo, os cidadãos continuarão tendo a oportunidade de aderir ao Renovar e quitar tributos pendentes sem a cobrança de multas ou juros. O Renovar pode ser acessado na internet pelo Portal do Cidadão. Há também atendimento presencial na Praça do Cidadão e na sala da Dívida Ativa, ambas no térreo da Prefeitura, das 8h às 17h. Entenda o Renovar Blumenau 2017 Programa de recuperação fiscal que permite a quitação dos débitos junto ao município à vista sem multas ou juros. Período de funcionamento: de 5 de junho a 29 de outubro de 2017. Quem pode aderir: todos os contribuintes com débitos junto ao município e também aqueles que já estão quitando as dívidas pela modalidade de pagamento parcelado. Formas de quitação: emissão de guias via internet pelo Portal do Cidadão ou pessoalmente na Praça do Cidadão e na sala de atendimento da Dívida Ativa Débitos e tributos que podem ser pagos: IPTU, que já está na dívida ativa, ISS, alvará e contribuição de melhoria. Débitos protestados, parcelados ou com recursos administrativos devem ser feitos pessoalmente. Foto: Eraldo Schnaider

Publicado em 29/09/2017 às 07:56


Renovar Blumenau 2017 é prorrogado até o dia 29 de outubro.
Programa permite a quitação dos débitos junto ao município à vista sem multas ou juros.

Foto: Eraldo Schnaider

Para que mais cidadãos possam ter acesso ao Renovar Blumenau 2017, a Prefeitura de Blumenau prorrogou o prazo para adesão ao programa até o dia 29 de outubro. Segundo o secretário de Gestão Financeira (Segefi), Ronaldo Rogério Wan-Dall, a alta procura nas últimas semanas motivou a extensão, que poderá beneficiar mais contribuintes na cidade.

Lançado em junho deste ano, o programa ficaria ativo, inicialmente, até esta sexta-feira, dia 29. Com este novo prazo, os cidadãos continuarão tendo a oportunidade de aderir ao Renovar e quitar tributos pendentes sem a cobrança de multas ou juros. O Renovar pode ser acessado na internet pelo Portal do Cidadão. Há também atendimento presencial na Praça do Cidadão e na sala da Dívida Ativa, ambas no térreo da Prefeitura, das 8h às 17h.

Balanço
Segundo levantamento da Segefi, mais de 11 mil contribuintes aderiram ao programa, com a emissão de guias que totalizam R$ 21.250.583,12. Deste valor, a Prefeitura já arrecadou mais de R$ 7 milhões com a previsão de receber ainda R$ 9.874.376,69. O Renovar Blumenau 2017 também beneficia os contribuintes que já estão quitando os débitos pela modalidade de parcelamento. Nestes casos, o restante da dívida pode ser pago também com a isenção das multas e dos juros.

Por meio do programa, podem ser quitados tributos como IPTU, que já consta na dívida ativa, ISS, alvará e contribuição de melhoria. Débitos protestados, parcelados ou com recursos administrativos também podem ser pagos, mas a solicitação deve ocorrer pessoalmente na Prefeitura. Mais informações pelos telefones 3381-7578, 3381-7523 e 3381-6456.

Entenda o Renovar Blumenau 2017

  • Programa de recuperação fiscal que permite a quitação dos débitos junto ao município à vista sem multas ou juros.
  • Período de funcionamento: de 5 de junho a 29 de outubro de 2017.
  • Quem pode aderir: todos os contribuintes com débitos junto ao município e também aqueles que já estão quitando as dívidas pela modalidade de pagamento parcelado.
  • Formas de quitação: emissão de guias via internet pelo Portal do Cidadão ou pessoalmente na Praça do Cidadão e na sala de atendimento da Dívida Ativa
  • Débitos e tributos que podem ser pagos: IPTU, que já está na dívida ativa, ISS, alvará e contribuição de melhoria. Débitos protestados, parcelados ou com recursos administrativos devem ser feitos pessoalmente.

 

Assessor de Comunicação: Joni César