Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Defesa Civil realiza abertura dos envelopes com propostas da licitação para SC-108.

Foi realizada nesta segunda-feira, 22, a abertura dos envelopes com propostas para  realização da obra de recuperação da SC-108, em Guaramirim. No total, sete empresas participam do processo licitatório de regime diferenciado de contratação (RDC), que ocorreu na sede da Defesa Civil (DC), em Florianópolis. O RDC em andamento prevê a confecção do projeto executivo […]

Publicado em 23/07/2019 às 09:45


Foto: Flávio Vieira Júnior/Defesa Civil 

Foi realizada nesta segunda-feira, 22, a abertura dos envelopes com propostas para  realização da obra de recuperação da SC-108, em Guaramirim. No total, sete empresas participam do processo licitatório de regime diferenciado de contratação (RDC), que ocorreu na sede da Defesa Civil (DC), em Florianópolis. O RDC em andamento prevê a confecção do projeto executivo e a execução das obras de contenção, recuperação de pavimentação e drenagem. A empresa vencedora será divulgada após o prazo legal para recursos das empresas envolvidas no certame de cinco dias. 

“Nos tivemos uma situação complicada em Guaramirim e nossa preocupação foi ter o cuidado de fazer o mais rápido possível a avaliação do local e buscar recursos para que a comunidade atingida pudesse voltar à normalidade”, comentou o chefe da Defesa Civil, João Batista Cordeiro Júnior.

Segundo ele, o processo iniciado hoje vai resolver a situação da SC-108, uma rodovia de fundamental importância e que ajuda a escoar as riquezas da região. Da mesma forma levar a normalidade à população que reside no entorno: “Além da obra de recuperação teremos a necessidade da construção de casas, quanto a isso estamos em tratativas com a Prefeitura de Guaramirim e com o Governo Federal para a definição do local onde as famílias serão realocadas. 

O Chefe da DC também declarou que a situação de Guaramirim foi um divisor de águas. “Estamos preparando nossa estrutura para ter mais agilidade com a contratação prévia de contenção, recuperação de estradas e melhoria de drenagem após eventos”, disse João Batista.

Ele comentou que em Guaramirim será utilizada a tecnologia de contenção chamada de crib wall. É uma estrutura modular de contenção feita com módulos montados por meio da sobreposição de peças de concreto: “Nosso objetivo é ter kits de contenção licitados que possam ser usados com mais agilidade”, finalizou.

Já o prefeito de Guaramirim, Luiz Antônio Chiodini, se mostrou bastante satisfeito com o resultado da parceria com o órgão estadual. “Em primeiro lugar quero agradecer o empenho da Defesa Civil. Não é surpresa o trabalho que a instituição faz a nível estadual e municipal. Temos uma parceria antiga com os kits de transposição e reconheço a DC por respeitar prazos”, destacou.

Chiodini também ressaltou que o Estado esteve presente desde o primeiro momento, quando ocorreu o deslizamento e o soterramento das casas. Para ele, foi uma surpresa o órgão assumir a questão da recuperação da área da Vila Freitas e do Morro do Schmidt: “Esta é uma obra importante para que a mobilidade retorne a normalidade na SC-108”.

Informações adicionais para a imprensa:
Flávio Vieira Júnior – Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Defesa Civil – SDS

Foto: Flávio Vieira Júnior/Defesa Civil.