Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Cooper trabalha junto a fornecedores para evitar aumento nos preços de mercadorias.

 A Cooper esclarece que vem atuando junto ao Poder Público e aos fornecedores para evitar o aumento nos preços de mercadorias. Contudo, com o afastamento social e muitas pessoas com mais frequência em suas casas, surgiu uma demanda que vem exigindo mais das indústrias, que por consequência enfrentam problemas na produção pela redução nas jornadas […]

Publicado em 25/03/2020 às 03:09


Foto: Divulgação.

 A Cooper esclarece que vem atuando junto ao Poder Público e aos fornecedores para evitar o aumento nos preços de mercadorias. Contudo, com o afastamento social e muitas pessoas com mais frequência em suas casas, surgiu uma demanda que vem exigindo mais das indústrias, que por consequência enfrentam problemas na produção pela redução nas jornadas de trabalho orientadas pelo Ministério da Saúde. Todas essas alterações na cadeia do varejo alimentar fazem com que alguns preços, realmente, necessitem de reajuste.

Contudo, além de buscar novos fornecedores, a Cooper está avaliando esses valores e endossa o ofício enviado pela Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) à Secretaria Nacional do Consumidor (SENACON), a fim de que eles busquem mais transparência e legalidade na atuação da indústria, principalmente as de leite e derivados, que tem apresentado um aumento injustificado e que poderá colaborar de maneira indesejável para o desequilíbrio dos mercados no país.

Ainda assim, com a parceria de outros fornecedores, a Cooper segue com suas promoções, que não estão sendo divulgadas como de costume porque a intenção é fazer com que as pessoas continuem indo à cooperativa somente quando necessário, evitando aglomerações e a exposição social, que podem facilitar o contágio com o coronavírus (Covid-19).

Foto: Divulgação.