Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Comissão de Segurança da Câmara da Câmara de Vereadores de Blumenau se reúne com o comandante da POLÍCIA MILITAR  Jefferson Schmidt.

A Comissão Temporária Especial de análise de questões de segurança pública se reuniu, na manhã desta terça-feira (31), com o comandante do 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Blumenau, tenente-coronel Jefferson Schmidt. Estiveram presentes os parlamentares Jens Mantau (PSDB), que é presidente; Sylvio Zimmermann (PSDB), vice-presidente; Almir Vieira (PP), relator; Professor Gilson e Alexandre Caminha, ambos do PSD, que são membros. VEJA MAIS AQUI SOBRE ARROMBAMENTOS E REPASSE DE VERBAS PARA A POLÍCIA MILITAR. Fotos: Rafael Carrasco | Imprensa CMB.

Publicado em 31/07/2018 às 02:59


Comissão de Segurança da Câmara da Câmara de Vereadores de Blumenau se reúne com o comandante da POLÍCIA MILITAR  Jefferson Schmidt.

Fotos: Rafael Carrasco | Imprensa CMB

Fotos: Rafael Carrasco | Imprensa CMB

A Comissão Temporária Especial de análise de questões de segurança pública se reuniu, na manhã desta terça-feira (31), com o comandante do 10º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Blumenau, tenente-coronel Jefferson Schmidt. Estiveram presentes os parlamentares Jens Mantau (PSDB), que é presidente; Sylvio Zimmermann (PSDB), vice-presidente; Almir Vieira (PP), relator; Professor Gilson e Alexandre Caminha, ambos do PSD, que são membros.
O presidente da comissão disse que em uma visita que fez a Florianópolis o secretário-adjunto de Segurança Pública do Estado sinalizou aos vereadores lá presentes a renovação da frota de viaturas em Santa Catarina, inclusive em Blumenau. “Uma das pautas deste encontro foi questionar se o Batalhão da cidade havia recebido algum retorno ou repasse do Estado em relação a isso”, apontou, acrescentando que o objetivo da comissão é também auxiliar o comando e a corporação da cidade.
Segundo informou o comandante do 10º Batalhão de Polícia Militar de Blumenau, tenente-coronel Jefferson Schmidt, todas as viaturas novas adquiridas pelo Batalhão recentemente foram pelos convênios municipais firmados com a Prefeitura e com o Estado. “Também conseguimos veículos por meio de projetos apresentados na Justiça Estadual e na Justiça Federal, onde captamos recursos para a compra de novas viaturas no último ano”, apontou, acrescentando que desconhece a informação de entrega de novas viaturas pelo Estado. Também salientou que desde que assumiu o comando do Batalhão cerca de 80% da frota foi renovada.  
Outro assunto levantado durante a reunião foram as ocorrências de crimes, como arrombamentos, roubos e furtos na região comercial da cidade próximo à Rua XV de Novembro, no Centro. A questão foi abordada pelos parlamentares e a própria PM também assinalou que tem recebido algumas reclamações, por meio dos meios de comunicação, de que estão ocorrendo esses tipos de crimes. “Levantamos essas informações e constatamos que não há essa quantidade de ocorrências que equipare ao número de reclamações. Ou seja, ou esses crimes estão acontecendo e não há o acionamento da Polícia para que compareça ao local e registre a ocorrência ou estas reclamações estão sendo multiplicadas e indo além do que é a realidade”, apontou. O comandante acrescentou que as estatísticas apontam que, nos últimos 30 dias, os índices de furtos e roubos naquela região estão baixos perante outras localidades onde também existe comércio, como a Rua Dois de Setembro e a rua Amazonas.
Ele anunciou que já tem uma reunião agendada, no começo de agosto, com o Sindilojas para abordar e resolver essa situação, destacando a importância e a necessidade de as vítimas registrarem a ocorrência para que a PM tenha esses dados estatísticos, inclusive nas demais áreas da cidade. “Uma vertente do nosso policiamento atua após a ocorrência, depois que a pessoa está mais calma, depois que passou o choque da situação, quando a Polícia faz novamente uma abordagem e conversa com a vítima para que ela repasse informações pertinentes que no primeiro momento não consegue repassar por conta do choque. Nesta nova abordagem, a pessoa consegue relembrar de dados e características que ajudam a Polícia Militar a desvendar a autoria do crime e repassar à Polícia Civil”.
Por fim, o comandante também aproveitou a oportunidade para pedir o apoio dos parlamentares para a viabilizar um projeto para a aquisição de armamento para o Batalhão e um local para treinamento.
A próxima reunião da Comissão está agendada para o dia 21 de agosto, às 10 horas, com a intenção de se reunir com o delegado regional.
Fonte: Assessoria de Imprensa CMB
Fotos: Rafael Carrasco | Imprensa CMB