Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Cerveja envelhecida em barril de carvalho de whisky será lançada no Festival Brasileiro da Cerveja.

Depois de um ano, receita da Imperial Stout, da Schornstein, será apresentada ao público. Bebida tem 9% de teor alcoólico, 70 de IBU e será comercializada em garrafas com rolha. Marca também levará, pela primeira vez, opções experimentais para o evento O Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau (SC), é uma oportunidade para experimentar diferentes rótulos […]

Publicado em 07/03/2020 às 09:00


Foto: Divulgação.

Depois de um ano, receita da Imperial Stout, da Schornstein, será apresentada ao público. Bebida tem 9% de teor alcoólico, 70 de IBU e será comercializada em garrafas com rolha. Marca também levará, pela primeira vez, opções experimentais para o evento

Festival Brasileiro da Cerveja, em Blumenau (SC), é uma oportunidade para experimentar diferentes rótulos e degustar o que cada cervejaria tem de melhor. E entre as opções que a Schornstein, de Pomerode (SC), levará para o evento, uma delas demorou um ano para ser finalizada. A Imperial Stout foi envelhecida em barril de carvalho americano que antes era utilizado para maturar whisky.

O resultado é uma cerveja marcante, aroma e sabor com toques de baunilha e chocolate, além de uma suave acidez proveniente da madeira. A bebida tem teor alcoólico de 9%, IBU de 70 (escala de amargor que vai do zero a 120) e será comercializada em garrafas com rolha.

Outra novidade é que, pela primeira vez no evento, a marca levará rótulos experimentais. Ao todo, serão cinco opções: uma Brett IPA produzida em 2017 e maturada em tanque com bretanomyces bruxelences, Bock Carvalho que esteve em barril de carvalho desde maio de 2019, Stout Carvalho, envelhecida por 12 meses em barril de carvalho americano, Dark Strong Ale, produzida em 2014 ainda na antiga fábrica da Schornstein e uma Brut IPA, que tem adição de framboesa e dry hop de lúpulo huell mellon. A IPA Tangerina, último lançamento da Usina Schornstein, também está confirmada, on tap e no formato de lata.

Para Maurício Zipf, sócio da cervejaria, o Festival é uma programação importante para o mercado. “É o momento de reafirmar o nosso posicionamento como marca e apresentar para o público as novidades que preparamos para este ano. Será a primeira vez que teremos experimentais e estamos confiantes que os visitantes vão gostar”, afirma.

O Festival Brasileiro da Cerveja acontecerá de 11 a 14 de março, na Vila Germânica. A cervejaria estará no Setor 1.

Sobre a Schornstein
Um das pioneiras da cerveja artesanal no país, a Schornstein surgiu em 2006 na cidade mais alemã do Brasil. O nome da marca significa chaminé, uma das características do prédio onde foi fundada. A matriz da cervejaria fica em Pomerode (SC).

Foto: Divulgação.