Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

Apenas 35% dos idosos com 90 anos ou mais fizeram agendamento para vacinação contra Covid-19
Especialista explica os motivos da baixa procura.

Na última terça-feira, dia 9, a Prefeitura de Blumenau disponibilizou o agendamento para vacinação de idosos de 90 anos ou mais. Até a tarde desta quarta-feira, dia 10, a Secretaria de Promoção da Saúde (Semus) registrou apenas 344 agendamentos deste grupo prioritário. A estimativa, segundo a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), é vacinar 985 pessoas […]

Publicado em 11/02/2021 às 04:09


Na última terça-feira, dia 9, a Prefeitura de Blumenau disponibilizou o agendamento para vacinação de idosos de 90 anos ou mais. Até a tarde desta quarta-feira, dia 10, a Secretaria de Promoção da Saúde (Semus) registrou apenas 344 agendamentos deste grupo prioritário. A estimativa, segundo a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE), é vacinar 985 pessoas nessa faixa etária na cidade.

Para a médica Infectologista da Semus , Dra Luisa Andrea Torres Salgado, a menor procura pela vacina por este grupo pode ter origem multifatorial. “Por se tratar de vacina que foi disponibilizada recentemente surgem dúvidas por parte de algumas pessoas em relação ao imunizante, sua eficácia, contra-indicações, além de receio por reações adversas pós-vacinação”, afirma a doutora.

A especialista lembra que as vacinas contra a Covid-19 oferecidas no momento passaram por testes rigorosos e seu uso foi autorizado pelo órgão regulador brasileiro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). “Considerando então nosso Programa Nacional de Imunizações, que é referência internacional de política pública de saúde, e das doenças evitadas pelas vacinas que temos disponíveis como por exemplo Sarampo, Rubéola, Hepatite B  e etc. Além da erradicação de outras como Varíola e Poliomielite, reiteramos  então sobre a necessidade da vacinação contra a Covid-19 para os grupos elencados nas orientações oficiais vigentes” salienta a Dra Luisa Andrea Torres Salgado.

O que diz quem já recebeu a vacina
No Lar Santa Terezinha, a primeira Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI) a ter todos os idosos imunizados contra o Covid-19 em Blumenau, a blumenauense Helga Germer, de 94 anos de idade, fez questão de ser vacinada. “As pessoas não precisam ter medo, a vacina é segura e com certeza vai ajudar a proteger contra o vírus”, afirma a paciente que já tomou as duas doses do imunizante e não teve nenhuma complicação. A vacinação dos idosos com 90 anos ou mais, marca o começo da 2ª etapa da Campanha Nacional de Vacinação em Blumenau.

O município segue as determinações da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19 do Ministério da Saúde (MS) e as deliberações da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), coordenada pelo Governo do Estado. Assim que um novo quantitativo de doses chegar ao município, será aberta nova agenda.

Idosos acamados deste grupo
Os idosos com 90 anos ou mais que estejam acamados devem ligar no telefone 156 (opção 2) para sinalizar a necessidade de receber uma equipe da Secretaria de Promoção da Saúde em casa para a vacinação. Até agora, 52 pessoas acamadas solicitaram a vacina.

Como agendar a vacina
O agendamento pode ser feito no site da Prefeitura de Blumenau, pelo aplicativo Pronto Mobile e também pelo Alô Saúde, no telefone 156 (opção 2). Após receber a primeira dose da vacina, ao final do atendimento, automaticamente o sistema agenda o retorno para a segunda imunização, dentro do prazo adequado de retorno.

Assessor de Comunicação: João Vitor Korc