Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos
  • Esportes

APAN E ELEVA QUÍMICA RENOVAM PATROCÍNIO MÁSTER PARA TEMPORADA 2021-22

Pela segunda temporada consecutiva, a APAN/Eleva/Blumenau contará com a marca da Eleva Química estampada na camisa, na condição de patrocinadora máster. A parceria foi selada nesta quarta-feira, 12 de maio, em encontro que contou com as participações do advogado Luis Fernando Pamplona Novaes, presidente da APAN Vôlei Blumenau; do empresário Carlos Milnitz, CEO da Eleva Química; e de Hélio […]

Publicado em 13/05/2021 às 11:25


Foto: Divulgação

Pela segunda temporada consecutiva, a APAN/Eleva/Blumenau contará com a marca da Eleva Química estampada na camisa, na condição de patrocinadora máster. A parceria foi selada nesta quarta-feira, 12 de maio, em encontro que contou com as participações do advogado Luis Fernando Pamplona Novaes, presidente da APAN Vôlei Blumenau; do empresário Carlos Milnitz, CEO da Eleva Química; e de Hélio J. Schwarz Filho, diretor técnico da APAN.

A renovação com a Eleva Química é de suma importância para a continuidade do projeto. Não apenas no alto rendimento e a participação da Superliga, na elite do voleibol nacional, mas também nas categorias de base, com a formação de atletas e projetos sociais. “A parceria permite ao clube a possibilidade de continuar figurando entre os principais clubes do voleibol nacional e a construção de um projeto de médio e longo prazo para no futuro dar ainda mais orgulho ao nosso torcedor, para comunidade e a cidade, sempre levando no peito essa marca que tem se consolidado como uma das principais empresas do agronegócio no Brasil e no mundo”, destacou Luis Fernando Pamplona Novaes.

Sobre a Eleva Química

Há mais de 20 anos no mercado, a Eleva Química iniciou sua trajetória com uma ampla atuação no segmento de químicos de alta qualidade. Por meio de parcerias com petroquímicas internacionais e outras produtoras de NPK (macronutrientes utilizados na composição de fertilizantes), importa fertilizantes nitrogenados de nível superior. Também atua na exportação de soja e milho para diversos países da Europa e Oriente Médio.

Até 2019, a empresa detinha 15% do mercado nacional na importação de ureia, com 700.000 toneladas distribuídas. Ainda 500.000 toneladas de grãos exportados.

Fonte: APAN/Eleva/Blumenau

Foto: Divulgação