Whatsapp
   jaimebnu@terra.com.br
  • Diversos

ALBA ANUNCIA ABERTURA DE MAIS 5 LEITOS UTI COVID EM INDAIAL

Uma reunião com a diretora Adriane Machado, do Hospital Beatriz Ramos, de Indaial, que esteve no gabinete do deputado Ricardo Alba no início da tarde desta quarta-feira, 24, definiu a abertura de mais cinco leitos de Unidade de Terapia Intensiva para pacientes Covid no município, na região do Médio Vale do Itajaí. O encaminhamento foi […]

Publicado em 24/02/2021 às 05:12


Uma reunião com a diretora Adriane Machado, do Hospital Beatriz Ramos, de Indaial, que esteve no gabinete do deputado Ricardo Alba no início da tarde desta quarta-feira, 24, definiu a abertura de mais cinco leitos de Unidade de Terapia Intensiva para pacientes Covid no município, na região do Médio Vale do Itajaí. O encaminhamento foi feito pelo parlamentar, que telefonou para o secretário de Saúde do Estado, André Mota, ainda durante a reunião e colocou-o em contato direto com a diretora. “Hoje, 100% dos leitos Covid daquele hospital estão ocupados e a habilitação de novas unidades é fundamental”, ressaltou ela, para quem o auxílio do deputado Alba foi de vital importância, agilizando o processo.

Atualmente o hospital de Indaial tem dez leitos UTI Covid e novos cinco representariam um aumento de 50% na capacidade de atendimento dessas unidades. No encontro, que contou com a presença de vereadores de Indaial e do qual o secretário de Estado participou por telefone, já que se encontra em Brasília, ficou acertado que o hospital disponibilizará estrutura física e material humano para esses novos leitos. O Governo do Estado entrega os respiradores necessários ainda amanhã (quinta-feira) e outros equipamentos serão providenciados nos próximos dias.

“O secretário manifestou o maior interesse em colaborar na abertura desses leitos UTI”, comemorou o deputado. “Fico feliz em poder colaborar para que haja sintonia fina e rapidez na habilitação desses leitos, colaborando para a saúde na região”. Na reunião ainda se aventou a possibilidade de estudos para a abertura de mais outras cinco unidades, o que dobraria a capacidade em Indaial. Porém, esses outros cinco a mais, dependem de confirmação de material humano disponível e mais equipamentos.